AC Milan recorre para o TAS da penalização por incumprimento do ‘fair-play’ financeiro


 

Lusa/Ao online   Futebol   25 de Dez de 2018, 21:17

O AC Milan anunciou esta terça feira que vai recorrer para o Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) da exclusão das competições europeias de futebol de 2022/23 e 2023/24, imposta pela UEFA, por incumprimento das regras do ‘fair-play’ financeiro.

“O AC Milan, depois de ter sido notificado da decisão da instância do controlo financeiro dos clubes, exprime a sua deceção e anuncia que vai recorrer desta decisão perante o TAS, em Lausana”, lê-se no sítio oficial dos ‘rossoneri’ na Internet.

Em 14 de dezembro, a UEFA decidiu excluir o clube milanês das provas continentais que eventualmente se qualifique em 2022/23 ou 2023/24, “se não apresentar um equilíbrio em 30 de junho de 2021”.

Na altura, o organismo que rege o futebol europeu anunciou ainda a retenção de 12 milhões de euros dos prémios de participação na edição de 2018/19 da Liga Europa, assim como a impossibilidade de inscrever mais de 21 jogadores nas competições da UEFA de 2019/20 e 2020/21.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.