72 mil disparos de fogo-de-artíficio na Madeira

72 mil disparos de fogo-de-artíficio na Madeira

 

Lusa/AO Online   Nacional   29 de Dez de 2008, 14:17

Setenta e dois mil disparos de fogo-de-artifício em oito minutos assinalarão a entrada de um novo ano na Região Autónoma da Madeira, atraindo milhares de turistas e locais.

    "O espectáculo deste ano chama-se a Alquimia da Cor e o que pretendemos é pintar a noite do céu do fim-de-ano com a magia das múltiplas cores existentes", disse à Agência Lusa Carlos Macedo, da empresa Macedos Pirotecnia, com sede na cidade da Lixa, no concelho de Felgueiras, e que, pela oitava vez, é responsável pelo maior espectáculo pirotécnico do mundo.

    Mais de 40 mil peças pirotécnicas, 72 mil disparos, 26 momentos sequenciais de efeitos e cor, 38 postos de disparo (24 distribuídos pelo anfiteatro da baía da cidade do Funchal, oito na Avenida do Mar e das Comunidades Madeirenses e outros seis no mar) e o envolvimento de 380 pessoas, entre os quais 95 pirotécnicos, são alguns dados técnicos que estão nos bastidores deste espectáculo que representa um investimento da Secretaria Regional de Turismo e Transportes no valor de cerca de 1,2 milhões de euros.

    O espectáculo terá 9.000 disparos de fogo de artifício por minuto e custará 150.000 euros por igual unidade de medição.

    A Macedos Pirotecnia é também a empresa responsável pelo único posto de fogo na ilha do Porto Santo.

    Milhares de luzes acender-se-ão nas inúmeras residências distribuídas pelo anfiteatro da cidade do Funchal e seis barcos de cruzeiro com milhares de turistas e tripulantes em trânsito pela ilha da Madeira saudarão também a entrada de 2009, cuja festa se estenderá pela noite dentro em hotéis, espaços públicos, bares, discotecas e em casas particulares.

    Este cartaz é também responsável pelo maior fluxo de entrada de turistas na Região, com a ocupação hoteleira a roçar os 100 por cento, registando o Aeroporto Internacional da Madeira um movimento que ultrapassa a centena de voos.

    O livro de recordes "Guinness World Records" atribuiu à passagem de ano na Madeira, em 2007, o título de "Maior Espectáculo Pirotécnico do Mundo".

    Um inspector do Guinness Book esteve na Madeira a verificar, no terreno, as condições da realização do maior cartaz turístico da Região e, após o espectáculo de fogo-de-artifício que assinalou a passagem de ano, entregou ao então secretário regional do Turismo e Cultura, João Carlos Abreu, o certificado de "Maior Espectáculo Pirotécnico do Mundo".

    Uma elipse de fogo-de-artifício de seis quilómetros de extensão e 2,7 quilómetros de largura em torno da cidade do Funchal assinalou, na altura, a entrada de 2007 na Região Autónoma da Madeira.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.