Vasco Cordeiro apela ao empenho e rigor na vida cívica e profissional na mensagem de Natal

Vasco Cordeiro apela ao empenho e rigor na vida cívica e profissional na mensagem de Natal

 

Lusa/Ao online   Regional   22 de Dez de 2018, 19:52

O presidente do Governo dos Açores apelou este sábado a um cada vez maior empenho na vida cívica, nas empresas e no trabalho, com "ainda mais elevados critérios de rigor" nas funções públicas, prometendo "determinação inconformada e exigente" do executivo.

"E a mensagem que, como presidente do Governo, vos gostaria de transmitir é que cada um de nós, na nossa atividade profissional, mas sobretudo como açorianos, como povo açoriano de que tanto nos orgulhamos de fazer parte, assuma, cada vez em maior plenitude e de forma cada vez mais empenhada, o desafio de fazer bem o seu papel, porque, se todos assim fizermos, é mais fácil sermos mais fortes, mais esclarecidos, mais açorianos", sublinhou Vasco Cordeiro, na sua mensagem de Natal.

Para isso, acrescentou, ajudará que cada pessoa – “a começar” pelo presidente do Governo Regional e pelo executivo – “pare e olhe ainda com mais atenção” para os seus concidadãos, fomentando a solidariedade.

Na mensagem de Natal hoje divulgada, o socialista considera importante que cada açoriano “dê ainda mais do seu esforço", do "seu empenho, nas empresas ou nos locais de trabalho e na sua atividade profissional diária", contribuindo para haver mais riqueza, produtividade, competitividade e uma maior afirmação do arquipélago.

"Ajudará que cada um de nós, a começar por mim como presidente do Governo e pelo Governo que lidero, assuma ainda mais que, à sua medida e dentro das suas possibilidades, tem um relevante papel a desempenhar na nossa vida cívica, assumindo-se como protagonista, por direito próprio, nesta imensa e aliciante tarefa de levar os Açores para a frente", sublinhou.

No exercício de funções públicas, defendeu, é necessário que todos norteiem a sua ação por ainda mais elevados critérios de exigência, justiça e rigor.

Vasco Cordeiro dedicou algumas palavras aos cidadãos que neste Natal não estão a viver um tempo de alegria, conforto ou tranquilidade.

“Sei que, por todas as nossas ilhas, há ainda pessoas, há ainda famílias, nessa situação. É com elas, é desde logo com elas que, não só nesta noite de Natal, mas no dia a dia do meu trabalho como presidente do Governo e do trabalho de todo o Governo dos Açores, está também o nosso pensamento, naquilo em que a melhoria da sua situação depender da nossa ação”, sublinhou.

Vasco Cordeiro afirmou que o seu executivo vai continuar a aposta para "melhorar a capacidade de responder pronta e eficazmente às necessidades da Saúde” e ter “melhores condições para a qualificação individual e coletiva dos açorianos, desde logo pela Educação”.

O Governo Regional quer também continuar a aplicar medidas que ajudem a economia a criar cada vez mais e cada vez melhores empregos, e a potenciar o sucesso pessoal e profissional das crianças e dos jovens, sem esquecer ainda o apoio aos idosos.

O presidente do Governo dos Açores, também líder do PS/Açores, admitiu que 2018 foi um ano de muitos e "exigentes desafios", mas destacou o modo como foram enfrentados "e, na maioria dos casos, vencidos".

"Estabilidade que deriva do cumprimento constante dos compromissos que assumimos com os açorianos, em muitos casos resultante de uma sólida parceria entre entidades públicas e privadas. Confiança no mérito do rumo definido, confiança na responsabilidade e na seriedade com que encaramos a nossa tarefa, e confiança na competência e na capacidade de fazer o que ainda falta fazer", sublinhou na mensagem, dirigida também aos açorianos na diáspora.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.