“Traz o teu copo” e a diversificação do cartaz cultural foram apostas de sucesso no Festival da Povoação by Nissan

“Traz o teu copo” e a diversificação do cartaz cultural foram apostas de sucesso no Festival da Povoação by Nissan

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   26 de Ago de 2019, 17:42

“A utilização de copos descartáveis foi praticamente nula e isso foi bastante visível no recinto principal durante as duas noites que decorreu o Festival da Povoação”, explicou, em jeito de balanço, João Paulo Ávila, presidente da Associação de Juventude do Concelho da Povoação, entidade organizadora, que para assinalar os 25 anos do Festival da Povoação, introduziu várias medidas e novidades no programa deste ano, com destaque para a campanha “traz o teu copo”.

De acordo com nota de imprensa, o objetivo de sensibilizar os festivaleiros para boas práticas ambientais “foi um êxito garantido, que servirá de exemplo para futuros festivais. O mesmo aconteceu, este ano, com a diversificação do programa apresentado”.


Segundo João Paulo Ávila “aumentar a abrangência do evento, em termos culturais e em termos de dias, revelou-se positivo, em todos os aspetos, e deverá ser modelo a consolidar nos anos seguintes”.


A edição deste ano do Festival da Povoação by Nissan contou com seis dias de evento, voltando ao modelo de anos anteriores. A organização apostou também em vários torneios desportivos, em diversas modalidades, várias atividades lúdicas e apostou, igualmente, num cartaz cultural que se estendeu por dois palcos, nomeadamente o palco principal e o palco da Praça dos Pelames, uma aposta ganha.


Refira-se que nem mesma a chuva 'desviou' os amantes da música e os festivaleiros do Festival, que contou com casa cheia na sexta-feira e no sábado, dias em que atuaram, por exemplo, Djodje e de Gabriel o Pensador.


Na mesma nota, a organização adianta que em 2020, o Festival irá decorrer de 24 a 29 de agosto.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.