Transportes

Transmaçor imobiliza único barco rápido para manutenção


 

Lusa/AO online   Regional   16 de Set de 2011, 15:31

A empresa de transportes marítimos de passageiros Transmaçor vai imobilizar durante duas semanas, para manutenção, o 'Expresso do Triângulo', único navio rápido que possui, o que provocará atrasos nas ligações entre o Faial, Pico e S. Jorge.
Uma fonte da empresa açoriana revelou hoje que a reparação resulta de algumas avarias mecânicas que a embarcação sofreu nas últimas semanas e que obrigaram a substituições pontuais por um dos outros navios da Transmaçor, mais lentos.

Durante o período em que ficará imobilizado, o 'Expresso do Triângulo' será substituído pelo 'Cruzeiro das Ilhas' ou pelo 'Cruzeiro do Canal', barcos que necessitam do dobro do tempo para realizar as viagens habitualmente asseguradas pela embarcação mais rápida.

Esta alteração vai afectar as ligações entre as ilhas do Triângulo (Faial/Pico/S. Jorge), em especial a viagem entre a Horta (Faial) e as Velas (S. Jorge), que passa a demorar mais duas horas.

A Transmaçor assegura duas viagens por dia entre as ilhas do Faial e de S. Jorge, com escala no Pico, e seis viagens diárias entre Faial e Pico.

A empresa decidiu suspender as ligações com o porto da Calheta, em S. Jorge, durante o período em que o navio estiver imobilizado para reparações

Os dados oficiais do Serviço Regional de Estatística dos Açores (SREA) indicam que as ilhas do Triângulo movimentam anualmente, por via marítima, cerca de 400 mil passageiros.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.