Transportes aéreos

TAP prevê transportar este ano nove milhões de passageiros


 

Lusa / AO online   Economia   14 de Jan de 2010, 15:48

A TAP anunciou esta quinta-feira previsões para transportar este ano nove milhões de passageiros, um aumento de 7,1 por cento face a 2009, o que a concretizar-se será o melhor ano de sempre.
De acordo com o administrador da TAP Luiz Mor, que falava numa conferência de imprensa na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), esse crescimento "será alavancado em termos de volume com os mercado Brasil e da Europa, sem bem que percentualmente se espere as maiores subidas no Brasil e em África".

África, aliás, foi o único mercado em 2009 a registar crescimento (6,4 por cento), quando todos os outros caíram, com destaque para os 15,9 por cento dos Estados Unidos e os 16,9 por cento da Venezuela.

O mercado brasileiro caiu no ano passado 4,6 por cento e a TAP acabou por fechar globalmente o ano com uma quebra de 3,4 por cento face ao ano anterior, ou seja, com 8,44 milhões de passageiros transportados.

Entre os objectivos genéricos para este ano, disse Luiz Mor, está a consolidação do crescimento dos últimos anos, a intensificação da agressividade comercial, o reforço da melhoria da taxa de ocupação e do controlo de custos.

De acordo com o administrador, este controlo de custos "é essencial para compensar os altos preços dos combustíveis, que a TAP prevê".

A transportadora também pretende atingir em 2010 os 1,15 milhões de membros do seu cartão de fidelização - Victoria -, o que representa um crescimento de 15 por cento.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.