Açoriano Oriental
Amanhã na Lagoa
Serviço Regional de Saúde debatido em Fórum da Ordem dos Enfermeiros

No Fórum, organizado pela Ordem dos Enfermeiros, participam os três açorianos que ocuparam a Presidência do Governo Regional até hoje

article.title

Foto: Eduardo Resendes
Autor: Paula Gouveia

Em debate, amanhã, no Nonagon, vai estar o “Serviço Regional de Saúde: Uma conquista e um direito dos açorianos”. A partir das 9h30, no Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel, na Lagoa, a Secção Regional dos Açores da Ordem dos Enfermeiros reúne várias personalidades com um objetivo: refletir sobre o setor público da Saúde na Região.


No Fórum, participam personalidades que, no plano nacional e regional, “marcaram a realidade da saúde em Portugal e nos Açores, mas também aquilo que foi a afirmação e a consolidação da autonomia dos Açores e, com ela, a criação do próprio Serviço Regional de Saúde”, adianta uma nota da organização.


Entres estas, estão os três açorianos que ocuparam o cargo de presidente do Governo Regional. Vasco Cordeiro, atual presidente do executivo açoriano, abre os trabalhos, numa sessão onde estarão João Luís Gaspar, reitor da Universidade dos Açores; Cristina Calisto, presidente da Câmara da Lagoa; António Bento Barcelos, presidente da União Regional das Misericórdias dos Açores, além de Luís Furtado, da Secção Regional dos Açores da Ordem dos Enfermeiros.


Os antigos presidente do Governo Regional João Bosco Mota Amaral e Carlos César são os convidados do primeiro painel do Fórum “Serviço Regional de Saúde: um constructo da Autonomia dos Açores”, moderado por Rui Goulart, da RTP/Açores.


A tarde começará com o segundo painel do dia sobre “Da tentação do conjuntural à necessidade do estrutural”, com Maria de Belém Roseira, presidente do conselho geral da Fundação para a Saúde; Constantino Sakellarides, professor jubilado da Escola Nacional de Saúde Pública; e Jorge Simões, professor catedrático convidado no Instituto de Higiene e Medicina Tropical da Universidade Nova de Lisboa, com moderação de Paulo Simões, diretor do Açoriano Oriental.


Segue-se um painel para questionar que compromissos para o SRS, onde participam os presidentes dos grupos parlamentares do PS/A, do PSD/A, CDS-PP/A, e do BE/A, com moderação de Berta Tavares (RTP/A). E os trabalhos são encerrados por Rui Luís, secretário regional da Saúde; Ilda Braz, governadora do Distrito 1960 do Rotary Internacional; e por Luís Furtado, da Ordem dos Enfermeiros, a quem caberá, aliás, a conferência inaugural às 10h00.


O Fórum conta com o Alto Patrocínio da Presidência do Governo Regional dos Açores, e, como realça a organização, “da alargada base de participação, pretende-se, por via da discussão, do contributo e do compromisso individual de cada cidadão, relevar para a visão de futuro de um Serviço Regional de Saúde resiliente e capaz de continuar a assegurar as respostas em cuidados de saúde dos açorianos, num contexto geográfico, político e administrativo ímpar”.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.