Indústria

Saint-Gobain Portugal vai reduzir 50 trabalhadores


 

Lusa / AO Online   Economia   13 de Out de 2009, 17:53

A Saint-Gobain Glass Portugal anunciou esta terça-feira a redução de 50 postos de trabalho da fábrica de Santa Iria da Azóia e o prolongamento da paragem da produção de chapa de vidro.
Num comunicado de imprensa, a empresa alega que a "longa quebra de mercados de vidro" levou a Saint-Gobain a prolongar a paragem do forno que assegura a produção da fábrica de Santa Iria da Azóia, Loures.

"Este cenário será acompanhado de um plano de reestruturação da sociedade de forma a garantir a continuidade do negócio", diz a nota de imprensa, que admite que a retoma da produção quando o mercado o justifique.

O plano de reestruturação prevê "a racionalização de 50 postos de trabalho", prossegue o comunicado.

Para isso serão negociados acordos individuais de rescisão ou estudadas possibilidades da sua recolocação noutras unidades do grupo Saint-Gobain.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.