Roménia vai ratificar "rapidamente" tratado europeu


 

Lusa / AO online   Internacional   14 de Nov de 2007, 11:41

O Parlamento romeno vai ratificar "rapidamente" o novo tratado europeu, logo após a sua assinatura em Lisboa, informou o Presidente Traian Basescu.
"Esperamos figurar entre os primeiros países a ratificar o tratado", declarou Basescu ao receber em Bucareste os embaixadores dos países membros da UE.

"A Roménia entende que este texto marca uma etapa intermédia" na reforma da UE, mas representa mesmo assim um "ganho importante", tendo em conta o difícil contexto que precedeu o Conselho europeu de Lisboa", acrescentou.

O ministro dos Negócios Estrangeiros Adrian Cioroianu afirmou, recentemente, que a Roménia espera lançar em breve um debate interno sobre o tratado, sublinhando que nenhum partido político exprimiu reservas quanto ao seu conteúdo.

Após o acordo alcançado em Outubro, em Lisboa, pelos chefes de Estado e de Governo, o Tratado vai ser assinado no Mosteiro dos Jerónimos a 13 de Dezembro, tendo depois de ser ratificado, por via referendária ou parlamentar, por todos os 27 Estados-membros, com vista à sua entrada em vigor em 2009.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.