Região recebe segundo barco para ligações no grupo central


 

Lusa/AO online   Regional   17 de Dez de 2013, 16:50

O segundo barco encomendado pelos Açores aos Astilleros Armon, em Espanha, para as ligações no grupo central do arquipélago chegou esta terça-feira ao porto da Horta.

O "Gilberto Mariano", um navio com 40 metros de comprimento e capacidade para transportar 280 passageiros e 12 viaturas, vai juntar-se ao "Mestre Simão", um navio de características semelhantes que já está atracado no porto da Horta desde 23 de outubro.

As duas embarcações foram adquiridas para substituir os "cruzeiros" no transporte de pessoas, sobretudo entre as chamadas ilhas do triângulo (Faial, Pico e São Jorge), por onde circulam anualmente cerca de 400 mil passageiros.

Além de assegurarem mais comodidade e segurança no transporte marítimo, os dois ferries vêm introduzir uma novidade: o transporte de viaturas e de carga rodada.

Os dois barcos estão prontos para iniciar a operação, mas segundo fonte da empresa pública Atlânticoline só começarão a navegar em 2014, depois de concluída a formação do pessoal.

Além destes dois barcos, orçados em 18,6 milhões de euros, o Governo Regional dos Açores já anunciou que vai lançar um concurso público internacional para a construção de dois navios de maiores dimensões para o transporte de passageiros e viaturas entre todas as ilhas da região.

O barco que hoje chegou à Horta tem o nome de uma figura popular no Pico, conhecido com o "Gilberto das lanchas", que durante décadas colaborou na embarque e desembarque de passageiros e mercadorias naquela ilha, numa altura em que o transporte se fazia em pequenos barcos de madeira.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.