Bolsa

PSI 20 fecha a perder 1,13% e em linha com Europa


 

Lusa / AO online   Economia   19 de Nov de 2009, 15:55

O principal índice da bolsa portuguesa, o PSI-20, encerrou esta quinta-feira a descer 1,13 por cento, para 8.448,52 pontos, em linha com a Europa, e com desvalorizações significativas.
Dos vinte títulos que compõem o PSI-20, dezasseis encerraram a descer, duas empresas fecharam estáveis e outras duas a subir, numa sessão em que trocaram de mãos 36,86 milhões de títulos, no valor de cerca de 110,15 milhões de euros.

Assim, a contrariar o sentimento colectivo estiveram duas empresas do sector da energia, a EDP Renováveis e a REN, que fecharam o dia com ganhos de 1,65 por cento e 0,16 respectivamente.

Os títulos da EDP-R terminaram a sessão nos 6,68 euros e os da REN nos 3 euros. Nos outros títulos do sector da Energia, a EDP, acabou o dia a perder 1,55 por cento, para os 3,04 euros, enquanto a Galp caiu 0,32 por cento (para 12,36 euros).

A liderar as descidas esteve a Semapa, com uma quebra de 2,70 por cento (para 7,55 euros), seguida da Cimpor, que deslizou 2,56 por cento (para 5,31 euros), da Jerónimo Martins, que caiu 2,11 por cento (para 6,67 euros), e da Teixeira Duarte, que registou perdas de 2,04 por cento (para 1,05 euros).

As outras 12 empresas fecharam o dia a cair menos de dois pontos. No sector da banca, além do BCP que permaneceu inalterado, o BPI deslizou 1,95 por cento (para 2,35 euros), enquanto o BES perdeu 1,87 por cento (para 4,82 euros).

Nas telecomunicações, a Sonaecom caiu 1,93 por cento (para 1,82 euros), a PT perdeu 1,68 por cento (para 8,07 euros) e a Zon 1,46 por cento (para 4,31 euros).

Na Europa, as bolsas negociavam todas "no vermelho". Paris perdia 1,92 por cento, Madrid negociava a cair 1,56 por cento, Frankfurt a deslizar 1,48 por cento e Londres 1,39 por cento.

O índice Euronext 100 perdia 1,67 por cento, para 655,24 pontos, e o índice DJ Stoxx 50 recuava 1,47 por cento, para 2.490,30 pontos.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.