Apoio à Comunicação Social

Promedia II vai privilegiar a qualificação profissional


 

Lusa / AO online   Regional   27 de Nov de 2007, 21:56

O secretário regional da Presidência anunciou, terça-feira, que o Governo irá alterar o sistema de apoio à Comunicação Social privada dos Açores, conhecido por Promedia.
Vasco Cordeiro, que falava no Parlamento açoriano, no primeiro de três dias de debate sobre as propostas de Plano e Orçamento para 2008, adiantou que este sistema de incentivos só irá vigorar até ao final do próximo ano.

Segundo o governante, a intenção do executivo socialista é criar "um novo pacote de incentivos" à Comunicação Social, denominado Promedia II, para privilegiar as áreas da qualificação profissional.

Fazendo um balanço do actual sistema de incentivos aos media açorianos, Vasco Cordeiro disse que o Governo faz uma "apreciação positiva" do Promedia, embora entenda que ficou "aquém das expectativas na vertente da formação profissional, em resultado do escasso número de candidaturas".

Até esta altura, o Promedia já permitiu aos órgãos de comunicação social do Arquipélago um investimento global superior a 1,3 milhões de euros, 400 mil euros dos quais correspondem a incentivos públicos, especialmente nas áreas de modernização tecnológica e difusão.

Segundo explicou, o Promedia II irá também reforçar os apoios disponíveis para os órgãos de Comunicação Social das chamadas Ilhas da Coesão (Santa Maria, Graciosa, São Jorge, Flores e Corvo), nomeadamente na vertente da utilização de novas tecnologias.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.