Água

Portugal precisa preparar-se para a próxima seca


 

Lusa/AO online   Nacional   28 de Mai de 2010, 15:17

Técnicos e cientistas de diversos países subscreveram esta sexta-feira, em Mirandela, um documento a exortar o Governo a adoptar medidas para enfrentar a próxima seca, que pode ser pior do que a de 2005.
O documento, a que deram o nome de "Declaração de Mirandela" resultou de um simpósio internacional que juntou na cidade transmontana, durante dois dias, estudiosos e decisores políticos para discutirem a gestão de bacias hidrográficas e respostas à escassez de água e secas em futuros climáticos incertos.

De acordo com o presidente da Administração da Região Hidrográfica (ARH) do Norte, António Guerreiro de Brito, a "Declaração de Mirandela" será enviada ao Ministério do Ambiente e tem como propósito contribuir para a adopção de medidas adaptação.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.