Portugal a uma vitória de seguir em frente na qualificação para Euro2021

Portugal a uma vitória de seguir em frente na qualificação para Euro2021

 

AO Online/ Lusa   Basquetebol   14 de Ago de 2019, 23:25

A seleção portuguesa de basquetebol colocou-se esta quarta feira a uma vitória de seguir para a fase seguinte da qualificação para o Europeu2021, ao bater a Suíça por 84-68, em jogo da quarta jornada da pré-qualificação disputado em Sines.

O segundo triunfo consecutivo no grupo H, depois de na última quarta-feira ter derrotado também a Islândia (80-79), deixou Portugal a depender apenas de si próprio para seguir em frente, mas a diferença de 16 pontos no marcador poderá também vir a ser um dado valioso, no caso de todas as seleções terminarem empatadas com os mesmos pontos.

Frente aos suíços, Portugal mostrou-se uma equipa coesa e conquistou um triunfo assente na força do coletivo, como demonstra o facto de três jogadores terminarem a partida com 16 pontos marcados: Miguel Cardoso, Pedro Bastos e Jermiah Wilson.

Outro dado importante a reter foi a qualidade na posse de bola, com a equipa de Mário Gomes a consentir metade dos 'turnovers' dos suíços (8 contra 16), assim como a baixa eficácia (57,1%) de ambas as equipas na linha de lance livre, dado que afetou mais os suíços, que dispuseram de 28 lançamentos (16 concretizados), contra apenas sete (quatro concretizados) dos portugueses.

Portugal até entrou em falso na partida e permitiu ao adversário um parcial de 0-10 em pouco mais de três minutos, mas, após a paragem técnica pedida por Mário Gomes, reagiu da melhor forma e no mesmo intervalo de tempo inverteu o marcador (12-11), chegando ao final do primeiro período a vencer por 24-17.

O segundo período foi pautado pelo equilíbrio, conforme espelha o parcial de 21-23, com as duas equipas a equivalerem-se nas ações ofensivas e Portugal a manter sempre o adversário à distância de sete pontos, vantagem essa que os helvéticos só conseguiram reduzir ligeiramente nos dois minutos que antecederam o intervalo (45-40).

Após o intervalo, Portugal entrou a todo o ',gás' e graças a um parcial de 11-4 chegou a dispor de um avanço de 12 pontos (56-44), vantagem que foi gerindo até ao final do terceiro período para entrar com uma 'almofada' de dez pontos (64-54) na etapa decisiva.

Aí, a seleção lusa voltou a ser a equipa mais sólida dentro das quatro linhas e com um parcial de 20-12 conquistou uma vantagem de 16 pontos, que, num grupo de qualificação tão equilibrado, pode vir a revelar-se decisiva nas contas finais, no caso de não garantir a passagem à fase seguinte já no próximo jogo.

A equipa portuguesa volta a jogar no sábado, frente à Islândia, em Reiquejavique, partida que precisa de vencer para garantir de imediato a passagem ao grupo E, juntando-se a Sérvia, Geórgia e Finalândia.

Em caso de derrota na Islândia, Portugal precisa que a Suíça vença os islandeses na última jornada do grupo H, cenário em que todas as equipas terminariam com seis pontos e a qualificação seria decidida pela diferença de pontos marcados e sofridos.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.