Afeganistão

Países da NATO oferecem 7000 tropas adicionais


 

Lusa / AO online   Internacional   4 de Dez de 2009, 10:18

Vinte e cinco países aliados dos Estados Unidos na NATO vão contribuir com 7.000 tropas adicionais para o Afeganistão e "haverá mais" contribuições, anunciou esta sexta-feira o secretário-geral da Aliança Atlântica.
Segundo Rasmussen, "com os recursos certos", os aliados "podem ter êxito" no Afeganistão.

O secretário-geral da NATO falava à imprensa depois de se reunir com os ministros dos Negócios Estrangeiros da Aliança Atlântica, incluindo a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, e com representantes de países que não integram a NATO mas têm contingentes militares no Afeganistão.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.