Governo/cortes

Número de cargos dirigentes reduz-se 27% para 4.574


 

Lusa/AO online   Nacional   15 de Set de 2011, 18:33

O Governo anunciou a redução de 1.712 cargos dirigentes no âmbito da fusão, extinção ou reestruturação de órgãos e serviços do Estado, passando a haver 4.574 cargos de chefia em vez de 6.286.
De acordo com um documento hoje divulgado pelo Ministério das Finanças durante a conferência de imprensa semanal do Conselho de Ministros, de um total de 6.286 dirigentes, o Governo reduziu para 4.574 o número de cargos de chefia, o que equivale a uma redução de 27 por cento.

Relativamente ao cargo ocupado por dirigentes superiores, inicialmente ocupados por 715 indivíduos, este foi agora reduzido para 441 indivíduos, revela o documento.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.