Açoriano Oriental
Município da Horta recebe prémio "Viver em Igualdade"

As boas práticas do município da Horta em matéria de igualdade, cidadania e não discriminação foram reconhecidas e distinguidas pela Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, com o prémio "Viver em Igualdade"  2020-2021, que será entregue, no próximo dia 23 de outubro, em São João da Madeira.


Autor: Susete Rodrigues/AO Online

Refira-se que a candidatura do município da Horta ao Prémio "Viver em Igualdade" teve por base todas as ações que o município promoveu, no âmbito do Plano Municipal para a Igualdade, Cidadania e a Não Discriminação, em áreas estratégicas de intervenção como o Planeamento Estratégico, a Cidadania, a Conciliação da Vida Profissional, Pessoal e Familiar e a Informação, Comunicação e Divulgação.

Para além disso, e cumprindo com o protocolado com a CIG, em junho de 2019, foi nomeada a Conselheira Interna Municipal para a Igualdade, bem como a Equipa para a Igualdade na Vida Local, que tem como competências propor, conceber, coordenar, implementar, acompanhar e avaliar as medidas e as ações desenvolvidas no âmbito do presente protocolo, designadamente do Plano Municipal para a Igualdade, Cidadania e Não Discriminação, explica nota de imprensa.

Recorde-se que a Câmara Municipal da Horta já tinha sido reconhecida com uma menção honrosa, na 3.ª edição do prémio "Viver em Igualdade", no biénio 2016-2017.

José Leonardo Silva, presidente da Câmara Municipal da Horta, realça a importância de “promover a igualdade, enquanto forma de atenuar as assimetrias ainda existentes na nossa sociedade” e de “fomentar uma maior inclusão social e mais participação cívica”.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.