Município atribui apoios de 260 mil euros a instituições

Município atribui apoios de 260 mil euros a instituições

 

Lusa/AO Online   Regional   29 de Dez de 2011, 06:39

 A presidente da Câmara de Ponta Delgada justificou o atraso na assinatura dos acordos hoje estabelecidos para apoio à atividade de instituições sociais, culturais e desportivas locais com a demora na receção de verbas do IRS.

A câmara “só agora cumpre o que prometeu porque só agora tem condições para o fazer, tendo em conta que acaba de receber as verbas dos duodécimos do IRS”, declarou Berta Cabral.

Na sessão de assinatura de protocolos com 125 instituições para atribuição de ajudas num valor global de 260 mil euros, a autarca sublinhou que a opção foi, em primeiro lugar, “pagar aos fornecedores”, só depois concretizando a concessão destes apoios.

“São mais de 260 mil euros que podem representar pouco quando divididos por tantas instituições, mas que para a câmara representa muito tendo em conta a difícil situação em que vivemos e que nos obriga à contenção”, referiu.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.