Mota Amaral diz que Santana tem "todas condições" para liderar bancada em "harmonia" com direcção


 

Lusa / AO Online   Nacional   15 de Out de 2007, 17:02

O ex-presidente da Assembleia da República Mota Amaral considerou hoje que Pedro Santana Lopes tem "todas as condições" para liderar a bancada parlamentar do PSD com "eficácia" e em "forte harmonia" com a direcção do partido.
    Questionado hoje à saída de um almoço com o novo presidente social-democrata sobre a candidatura de Santana Lopes à liderança bancada do PDS, Mota Amaral disse que o ex-primeiro-ministro reúne "todas as condições".

    "Tem todas as condições para liderar com eficácia, em cooperação e forte harmonia", disse Mota Amaral, que também é deputado do PSD.

    Instado a comentar o risco de poder vir a existir uma "liderança bicéfala" com a eleição de Santana Lopes para líder da bancada parlamentar, Mota Amaral rejeitou tal ideia, salientando que isso "só aconteceria se não houvesse harmonia".

    "São pessoas maduras, sabem bem a responsabilidade nacional que têm para fazer uma boa oposição na Assembleia da República", acrescentou.

    Sobre o almoço com Luís Filipe Menezes, Mota Amaral adiantou apenas que foram "passadas em revista as questões abordada no congresso deste fim-de-semana" e a "nova agenda" do partido.

    Pedro Santana Lopes confirmou hoje a sua candidatura à liderança do grupo parlamentar do PSD, no final de um encontro com Luís Filipe Menezes.

    "Confirmo a minha candidatura. Quero servir as causas do partido defendidas pela liderança de Luís Filipe Menezes. Quero ajudar no combate colectivo liderado por Luís Filipe Menezes", afirmou Santana Lopes, em declarações aos jornalistas no final de um encontro com o novo presidente social-democrata.

    Questionado pelos jornalistas à saída da sede do PSD, depois do almoço com Mota Amaral, o novo líder social-democrata disse apenas que o encontro com Santana Lopes "foi uma conversa muito agradável".
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.