Morreu a atriz Joan Fontaine aos 96 anos


 

Lusa/AO online   Internacional   16 de Dez de 2013, 10:36

A atriz Joan Fontaine, que foi a estrela de alguns clássicos de Alfred Hitchcock, morreu no domingo aos 96 anos, informou a imprensa norte-americana.

Segundo o portal The Hollywood Reporter, que cita a assistente de Fontaine, Susan Pfeiffer, a atriz morreu de causas naturais na sua casa em Carmel, na Califórnia.

Joan Fontaine, cujos pais eram britânicos, nasceu no Japão e em 1919 mudou-se para a Califórnia, onde fez uma carreira de sucesso no cinema, à semelhança da irmã mais velha Olivia de Havilland.

Fontaine iniciou a sua carreira de atriz nos anos 30, mas o seu sucesso chegou com os filmes de Hitchcock na década de 40, como "Rebecca".

A sua participação em "Suspeita", outro filme do mestre do suspense, mereceu-lhe um Óscar, tendo sido a única atriz distinguida com uma estatueta por um papel num filme de Hitchcock.

Na década de 50, Fontaine virou-se mais para a televisão e teatro, tendo participado em várias produções da Broadway.

Foi casada quatro vezes, tendo-se divorciado do último marido, Alfred Wright, em 1969, e deixou uma filha, Deborah. Em 1952, adotou uma menina peruana, Martita, que fugiu de casa em 1963.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.