Açoriano Oriental
Covid-19
México vai começar ano escolar com ensino à distância pela TV e rádio

O México começa a 24 de agosto o ensino à distância para 30 milhões de crianças recorrendo à televisão, e até à rádio para chegar às comunidades indígenas remotas, continuando incerto o regresso presencial.

México vai começar ano escolar com ensino à distância pela TV e rádio

Autor: Lusa/AO Online

O secretário da Educação, Estaban Moctezuma Barragan, e os líderes das maiores redes de televisão do país apresentaram as linhas gerais do plano para garantir os ensinamentos educacionais através da televisão.

Barragan disse que os riscos continuam demasiado altos e as autoridades temem que as crianças se possam tornar portadoras da covid-19, infetando os familiares em casa.

Os alunos não vão regressar às salas de aula até que a versão de semáforo usada pelo Governo para avaliar o risco da pandemia esteja a verde.

Em comunidades indígenas remotas, as instruções vão ser transmitidas pela rádio do Governo e, em todo o país, cerca de 140 milhões de livros vão ser distribuídos gratuitamente.

O México registou 274 mortes e 4.853 casos de infeção com o novo coronavírus, anunciaram as autoridades esta segunda-feira.

No total, o país registou 47.746 óbitos e 439.046 contágios confirmados desde o início da pandemia.

Segundo a Universidade Johns Hopkins, o México é o terceiro país do mundo com o maior número de mortes devido à covid-19, só ultrapassado pelos Estados Unidos e Brasil, sendo a sexta nação com mais casos.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.