Mais de 20 milhões de pessoas sobreendividadas na Europa

Mais de 20 milhões de pessoas sobreendividadas na Europa

 

Lusa/AO Online   Economia   31 de Out de 2009, 08:24

Pelo menos 20 milhões de pessoas estão sobreendividadas na União Europeia, de acordo com os dados divulgados pela Rede Europeia da Dívida do Consumo (ECDN), entidade que estima que os números continuem a subir.

"Com as crescentes taxas de desemprego, o número de pessoas com problemas relacionados com dívidas podem aumentar substancialmente durante os próximos meses", disse em Viena de Aústria Hans Grohs, director geral da Rede Europeia, citado pela Europa Press, que desafiou os decisores europeus uma resposta urgente para o problema.

Hoje é assinalado o Dia Mundial da Poupança e o responsável da ECDN - que promove simultaneamente o dia da acção europeia pela inclusão financeira - anunciou que a entidade vai enviar uma carta a todos os líderes europeus, à Comissão Europeia e a membros do Parlamento Europeu, para recordá-los que muitos países na Europa ainda não têm regulação, nem legislação, sobre os serviços de aconselhamento financeiro para a redução da dívida, nem leis de crédito eficazes, ou regulamentos para os empréstimos responsáveis.

A carta apresentará recomendações concretas para consolidar o direito à inclusão financeira, para introduzir e melhorar a legislação sobre os serviços de assessoria à dívida, o direito a ter uma conta bancária e o acesso a serviços bancários adequados, à instalação de directivas para os créditos responsáveis, o investimento em educação financeira e a melhor compilação de dados sobre o endividamento.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.