Ilha do Faial

Lux Mundi vence concurso público para a concessão do Quartel do Carmo

Lux Mundi vence concurso público para a concessão do Quartel do Carmo

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   2 de Ago de 2019, 16:47

O concurso Revive, relativo ao Quartel do Carmo, na Horta, ilha do Faial, foi concluído, tendo sido adjudicado à empresa Lux Mundi, que explora hotéis em Lisboa, Porto, Évora e Fátima.

De acordo com comunicado do Gabinete do ministro Adjunto e da Economia, o investimento estimado para a recuperação do imóvel é de 7,5 milhões de euros, para a construção de um hotel com pelo menos 4 estrelas. O novo hotel tem abertura prevista para 2021.


A construção do atual Quartel do Carmo teve início no século XVII, como Convento da Ordem das Carmelitas. No século XX, foi adaptado ao uso militar para acolher a Companhia de Infantaria da Horta, tendo sido nessa altura sujeito a obras de recuperação significativas.


O imóvel situa-se num planalto da cidade da Horta, com vista privilegiada sobre o porto e tendo como horizonte o mar e a ilha do Pico.


O mesmo será concessionado durante 50 anos para exploração para fins turísticos.


O Quartel do Carmo é um dos 33 imóveis inscritos no Revive, um programa conjunto dos ministérios da Economia, Cultura e Finanças com a colaboração das autarquias locais.












Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.