Vila Franca do Campo

Jovens marcham contra a droga


 

Lusa/AOonline   Regional   11 de Nov de 2007, 19:21

Cerca de três dezenas de jovens participaram hoje numa marcha silenciosa contra a droga, em São Miguel, Açores, iniciativa que pretendeu alertar para um flagelo que "atinge cada vez mais a população juvenil micaelense".
A marcha percorreu as principais ruas de Vila Franca do Campo, com os jovens em silêncio e ostentando um cartaz da Juventude Social Democrata, organização que promoveu o evento.

A presidente da JSD de Vila Franca do Campo, Raquel Melo, disse à Agência Lusa que a iniciativa pretendeu deixar "um alerta aos jovens para não enveredarem pelos caminhos das drogas", evidenciando que uma das formas para começar a combater o flagelo é organizar eventos que sensibilizem as pessoas para a problemática.

Sem especificar números, Raquel Melo referiu-se a relatos de "muitos casos de jovens que estão em tratamento", alegando que a toxicodependência é "um drama que atinge cada vez mais as famílias em São Miguel".

"É necessário também que as entidades governamentais se envolvem cada vez mais num trabalho de luta contra as toxicodependências", frisou a dirigente da JSD de Vila Franca do Campo, para quem a acção do Governo regional socialista em matéria de prevenção "tem sido insuficiente".

Raquel Melo adiantou ainda que a estrutura partidária distribuiu durante esta semana cerca de 600 panfletos em todas as freguesias do concelho de Vila Franca do Campo, visando alertar os jovens "para não enveredarem pelos caminhos das drogas".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.