João Lagos anuncia Lisboa-Dacar de 2009

João Lagos anuncia Lisboa-Dacar de 2009

 

Lusa / AO online   Motores   21 de Nov de 2007, 16:20

João Lagos, responsável pela organização portuguesa do Lisboa-Dacar, anunciou o prolongamento, até 2009, da partida do rali de todo-o-terreno da capital lusa, que acolhe em 2008 a terceira largada consecutiva da prova.
“Quero anunciar um facto que enaltece o espírito de parceria que foi desenvolvido ao longo de três anos, como corolário da colaboração entre poder central e autárquico, e que tornou possível termos o Dacar em Portugal por mais um ano, em 2009”, revelou João Lagos na apresentação da edição 2008 da prova.

O presidente da Lagos Sports considerou que a atribuição de uma quarta partida consecutiva a Portugal, depois de inicialmente terem sido contratadas três, “é o maior prémio pelo trabalho em conjunto e uma prova de confiança que a ASO (empresa francesa que organiza o Dacar) deposita” na organização portuguesa.

“Agradeço à ASO, que reitera a confiança em nós para organizarmos mais uma partida do Dacar”, completou João Lagos.

O rali todo-o-terreno Lisboa-Dacar vai voltar a partir de Lisboa na edição de 2009, depois de ter começado a largar da capital lusa em 2006.

O ministro da Presidência, Pedro Silva Pereira, que também marcou presença na apresentação da edição 2008, a 30ª da mítica prova de todo-o-terreno, considerou que “a notícia de mais um Dacar a partir de Lisboa é uma excelente notícia para Portugal”.

Pedro Silva Pereira sublinhou que, desde o primeiro ano que o Dacar largou de Lisboa, estavam contratados três anos e, por isso, a atribuição de mais uma partida em 2009 “é um sinal exterior da excelência da organização portuguesa”.

“Estou satisfeito por o Governo ter podido contribuir para esta notícia ser possível. A partida de Lisboa é uma parceria de sucesso que envolve o dinamismo da Lagos Sports, com a colaboração da política do Governo e as câmaras municipais, que fazem convergir interesses”, afirmou Pedro Silva Pereira.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.