Educação

Importante mostrar o trabalho das escolas através de resultados de alunos

Importante mostrar o trabalho das escolas através de resultados de alunos

 

Lusa/AO online   Nacional   12 de Set de 2008, 13:02

A ministra da Educação, Maria de Lurdes Rodrigues, defendeu a importância de mostrar o trabalho das escolas através dos resultados dos alunos, afirmando pretender "motivar" os estudantes com o "Dia do Diploma".
"Pensei que tínhamos o dever de mostrar o trabalho das escolas através dos resultados dos seus alunos", disse Maria de Lurdes Rodrigues, que esta manhã esteve na Escola Secundária Almeida Garrett, em Gaia, para distinguir os alunos que terminaram o 12º ano de escolaridade no ano lectivo 2007/2008 e premiar o melhor daquele estabelecimento de ensino.

    Segundo referiu, foi o facto de no ano passado ter sido, pela primeira vez, identificado o melhor aluno do secundário que levou o Ministério da Educação a lançar o "Dia do Diploma".

    "Nunca antes se tinha identificado uma lista de melhores alunos, apenas se conheciam as escolas pelos rankings", afirmou.

    Para a ministra, o "Dia do Diploma", que hoje é assinalado pelo Governo com a entrega de um prémio de mérito de 500 euros ao melhor aluno do secundário de cada escola, mostram que "as escolas têm um rosto".

    "Esta escola não estava nos primeiros lugares do ranking, mas tinha a melhor aluna do secundário" a nível nacional no ano passado, salientou a ministra.

    Maria de Lurdes Rodrigues disse que, com esta iniciativa, "o Ministério da Educação quis acrescentar uma mais valia", fazendo com que o melhor aluno tenha "orgulho" da sua escola e que isso sirva de motivação para todos.

    "É muito importante reforçar estes laços, que um aluno possa ter o orgulho de ter sido o melhor aluno da sua escola e que possa motivar os outros", sustentou.

    No seu discurso, a ministra reafirmou a importância dos estudantes concluírem o 12º ano de escolaridade.

    "Sem o ensino secundário ficam mais frágeis, têm menos percursos e capacidades para enfrentar o futuro", sublinhou.

    Para a ministra, a conclusão do ensino secundário é "uma meta que deve estar no objectivo de todos" e que "é de importância particular para os jovens que estão a iniciar a vida activa".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.