Governo dos Açores faz avaliação dos prejuízos em habitações

Governo dos Açores faz avaliação dos prejuízos em habitações

 

Lusa/Ao online   Regional   24 de Fev de 2019, 18:26

O Governo dos Açores vai fazer uma avaliação "detalhada" dos prejuízos provocados em algumas habitações pela depressão Kyllian, que atravessou o arquipélago este fim-de-semana, anunciou este domingo o executivo regional.

De acordo com uma nota informativa divulgada pelo Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GACS) do executivo açoriano, essa avaliação será efetuada pelo Serviço de Habitação e Ação Social da ilha Terceira, onde foram realojadas seis famílias, devido a inundações e estragos provocadas pela forte chuva.

"Depois de garantidas as soluções habitacionais provisórias a algumas das ocorrências registadas no sábado", "aqueles serviços vão avaliar de forma mais precisa os danos provocados pelo mau tempo nas habitações de seis famílias na ilha Terceira", adianta a mesma nota.

O apoio a prestar às famílias em causa inclui o levantamento das necessidades e o encaminhamento dos processos, com vista a acionar os seguros à habitação, quando tal se aplique.

"Para algumas das famílias que já são beneficiárias de apoios sociais da Secretaria Regional da Solidariedade Social, será realizada uma reavaliação dos respetivos processos, no sentido de adequar os apoios já em curso às necessidades efetivas e resultantes dos estragos", refere ainda o GACS.

De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), em apenas uma hora caíram 32 litros por metro quadrado na ilha Terceira, situação que provocou inundações em moradias e o encerramento de algumas vias de trânsito.

Os Açores continuam sob aviso amarelo, depois da passagem da depressão Kyllian, que provocou cerca de uma centena de ocorrências em toda a região, sobretudo no sábado.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) manteve os três grupos do arquipélago sob aviso amarelo até ao final do dia de hoje, devido à precipitação prevista para o grupo ocidental (Flores e Corvo), devido à trovoada e precipitação no grupo central (Faial, Pico, São Jorge, Terceira e Graciosa) e devido ao vento, trovoada e precipitação no grupo oriental (São Miguel e Santa Maria).

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores não registou, no entanto, nenhuma ocorrência durante a madrugada de hoje em nenhuma das ilhas.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.