Açoriano Oriental
Governo está a trabalhar para ajudar a vitivinicultura a ultrapassar desafios futuros

O secretário regional da Agricultura e Florestas afirmou que a vitivinicultura nos Açores é um setor com um grande potencial de desenvolvimento económico, mas que enfrenta desafios extra devido à pandemia.

Governo está a trabalhar para ajudar a vitivinicultura a ultrapassar desafios futuros

Autor: AO Online/ GaCS

“Importa continuar a apostar no reforço da notoriedade dos nossos vinhos, seja através da realização de eventos na Região, da participação em feiras internacionais e em comunicação da especialidade, mas também assegurar um posicionamento dos vinhos no mercado capaz de garantir o pagamento justo da uva aos produtores, face aos elevados custos de produção, como forma de assegurar a sustentabilidade do setor”, referiu João Ponte, que falava num evento online ‘Provas 6/6’, organizado pela Associação de Municípios Portugueses de Vinho (AMPV).

O governante salientou que, entre os principais desafios que se colocam à vitivinicultura na Região, estão a criação de novos canais de comercialização e a necessidade de reforçar a capacidade de transformação instalada, através da atração de novos investidores, já que a quantidade de área que vai entrar em poucos anos na sua capacidade máxima de produção é superior à capacidade instalada para transformação.

João Ponte apontou a criação do Instituto da Vinha e do Vinho nos Açores como “um bom exemplo” do trabalho que o Governo dos Açores está a fazer e que terá grande impacto no futuro do setor, uma vez que visa ser “uma estrutura agregadora de competências atualmente dispersas por várias entidades.

Questionado sobre a importância do Enoturismo na ilha do Pico, o Secretário Regional deu conta do grande potencial de desenvolvimento que existe, comprovado pelo surgimento de projetos de investimentos nesta área, que são importantes para reforçar a notoriedade dos vinhos açorianos, mas também devido a um vasto número de equipamentos e infraestruturas existentes na ilha relacionadas com o vinho, como os currais, o Museu do Vinho, o Centro de Interpretação da Paisagem da Cultura da Vinha, relheiras, rola-pipas, poços de maré, as adegas e, sobretudo, os vinhos, que são motivos de atração de cada vez mais turistas.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.