Zimbabué

Equipa sul-africana de mediação inicia ronda de contactos em Harare


 

Lusa / AO online   Internacional   30 de Nov de 2009, 17:52

Os três elementos da equipa de mediação nomeados a semana passada pelo presidente Jacob Zuma iniciaram esta segunda-feira na capital do Zimbabué uma ronda de contactos com os líderes políticos deste país com vista a garantir o cumprimento do acordo de partilha do poder.
A equipa, constituída pelos ex-ministros Charles Nqakula, Mac Maharaj e Lindiwe Zulu, irá investigar “in loco” queixas feitas pelo primeiro-ministro zimbabueano e líder do Movimento para a Mudança Democrática (MDC) de que o presidente Robert Mugabe e o seu partido, a ZANU-PF, não cumprem a sua parte do acordo que levou à formação do governo de unidade nacional, em Fevereiro deste ano.

A constante perseguição, detenção e agressão de membros do MDC, alguns deles eleitos para o parlamento, invasões de propriedades agrícolas, intimidação das populações que apoiam o MDC e recusa em aceitar a nomeação de quadros do partido para posições-chave na estrutura do Estado são algumas das queixas apresentadas por Morgan Tsvangirai contra Mugabe à Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC), a organização regional que é a garante do acordo de unidade.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.