Açoriano Oriental
Concurso para remodelação da gare do aeródromo da ilha Graciosa avança em breve

O processo de remodelação da gare do aeródromo da Graciosa, nos Açores, está na Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) para certificação, prevendo-se para breve a abertura de concurso público, anunciou o presidente do executivo regional.

article.title

Foto: GaCS/JAR
Autor: Lusa/AO Online

Vasco Cordeiro declarou que o processo, cujo estudo prévio da ampliação e requalificação foi apresentado pelo Governo dos Açores no âmbito de uma visita oficial à ilha, está em “avançado estado de concretização” junto da ANAC.

O líder do executivo regional, que está com os membros do seu Governo em visita de três dias à Graciosa, afirmou, na inauguração da nova torre de controle do aeródromo, orçada em 1,4 milhões de euros, que, de 2016 a 2019, o total de passageiros desembarcados na ilha “cresceu mais de 20%", totalizando no ano transato cerca de 28 mil.

No caso específico das acessibilidades marítimas, o chefe do executivo disse que em 2019 registou-se um “incremento significativo” de 25% nos passageiros desembarcados, em termos comparativos com 2018.

O Governo Regional (PS), ainda no capítulo das acessibilidades, deu uma indicação à empresa pública Portos dos Açores para proceder aos desenvolvimentos necessários ao reordenamento do porto da Praia, na Graciosa, prevendo o projeto instalações para a exploração portuária, além de um terminal de passageiros.

Vasco Cordeiro considerou que estes projetos na área das acessibilidades promovem a coesão regional por via do desenvolvimento das ilhas, tendo assinalado que, na atual legislatura, foram investidos 130 milhões de euros na Graciosa, no âmbito do plano de investimento regional, um valor ‘per capita’ que está “acima da média” regional.

A nova torre de controlo do aeródromo da Graciosa hoje inaugurada, consignada em 2018, visa a melhoria da operacionalidade e da segurança da infraestrutura, de acordo com os regulamentos aplicáveis da ANAC.

Segundo o grupo SATA, a implementação da Torre de Controlo permite dotar o serviço “Aerodrom Flight Information Service” (AFIS) com as condições indispensáveis ao apoio da operação de aeronaves, bem como instalar o Serviço de Operações Aeroportuárias numa área independente, criar um Centro de Operações de Emergência e permitir que o Serviço de Meteorologia Aeronáutica disponha de um espaço.

A ilha Graciosa, classificada pela UNESCO como Reserva Mundial da Biosfera, localizada no grupo central do arquipélago dos Açores, é das mais pequenas parcelas dos Açores, a par de Santa Maria e Corvo, tendo cerca de 4.300 habitantes, sendo das mais afetadas pelo abandono de população.

A ilha tem um concelho, Santa Cruz da Graciosa, constituído por quatro freguesias: Vila de Santa Cruz, Vila da Praia, Guadalupe e Luz. Santa Cruz


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.