Protecção Civil

Bombeiros disponíveis para inspeccionar bocas-de-incêndio


 

Lusa / AO online   Nacional   17 de Ago de 2010, 18:04

Bombeiros e técnicos de Protecção Civil alertaram esta terça-feira para a falta de fiscalização das bocas-de-incêndio em muitas autarquias do país e mostraram-se disponíveis para colaborar na inspecção a estes meios operacionais de combate aos fogos urbanos.
Comentando o caso de Matosinhos, onde a falta de água em bocas-de-incêndio atrasou recentemente o combate a dois fogos urbanos, Ricardo Ribeiro, da Asprocivil - Associação Portuguesa de Técnicos de Segurança e Protecção Civil, salientou que “esta é uma realidade que existe um pouco por todo o país”.

“Não é um caso só de Matosinhos. Essa realidade existe um pouco por todo o país, porque o trabalho de manutenção não é efectuado praticamente em lado nenhum. As pessoas estão divorciadas da realidade preventiva dos meios operacionais, o que é muito mau”, disse.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.