Bolieiro defende importância do reconhecimento e valorização do mérito

Bolieiro defende importância do reconhecimento e valorização do mérito

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   11 de Dez de 2018, 10:14

O presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada afirmou, ser importante reconhecer e premiar o mérito escolar porque “o reconhecimento e a valorização do mérito são o principal estímulo para a procura de excelência e para o esforço e a superação de cada um e, depois, de todos e de uma comunidade”.

"Temos de ganhar uma cultura, na sociedade, de que o esforço a vale a pena buscar, de que a procura da excelência é árdua mas tem no fim o reconhecimento e de que o mérito nos eleva sempre na nossa própria dignidade e na nossa responsabilidade do presente e do futuro”, enfatizou José Manuel Bolieiro, citado em nota de imprensa, na cerimónia de entrega dos Prémios de Mérito Escolar do Município.


Perante uma vasta e atenta audiência, no Salão Nobre, José Manuel Bolieiro, expressou o seu orgulho pelos resultados alcançados pelo grupo de alunos distinguidos, desejando-lhes, aos professores, às escolas e aos familiares a continuação de um bom trabalho.


E como ser bom aluno e bom profissional também implica, para além das competências do Saber Saber e Saber Fazer, outras relacionadas com o Saber Ser e o Saber Estar, o Presidente do Município, no dia em que Ponta Delgada celebrou os 70 anos da proclamação da Declaração Universal dos Direitos Humanos, apelou a uma maior sensibilidade para a questão dos Direitos Humanos.


A Câmara Municipal de Ponta Delgada distinguiu 24 alunos do 3.º ciclo, do secundário e do ensino profissional, atribuindo-lhes um diploma e um prémio pecuniário. Os prémios foram relativos ano ano letivo 2017/2018.


Esta foi a quinta edição de uma iniciativa pioneira nos Açores que tem como grande objetivo premiar o mérito e, desta forma, incentivar os alunos a prosseguirem os estudos, explica a nota de imprensa.


Este prémio teve um impacto financeiro de 11.200 euros, distribuídos por 24 alunos das Escolas Secundárias Antero Quental, Domingos Rebelo, Laranjeiras e Colégio Castanheiro, das Escolas Básicas Integradas de Ginetes, Capelas e Arrifes, do Conservatório Regional de Ponta Delgada e das Escolas Profissionais ENTA, INETESE, APRODAZ, EPROSEC, EFTH , MEP – Escola Profissional da Santa Casa da Misericórdia de Ponta Delgada e Câmara do Comércio e Indústria.


A sessão contou com um momento musical, protagonizado por Sofia Vidal e Rafael Carvalho, aluna e professor do Conservatório Regional de Ponta Delgada, respetivamente. Sofia Vidal, que também recebeu o Prémio de Mérito do Município, mereceu uma palavra especial de José Manuel Bolieiro por aliar ao mérito na aprendizagem o gosto e o talento musical.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.