Crime

Agente da PSP detido por suspeita de assassínio da mulher


 

Lusa / AO online   Nacional   9 de Out de 2009, 17:42

Um agente da PSP foi esta sexta-feira detido por suspeita de ter morto a mulher a tiro no interior da residência de ambos, em Belas, durante a madrugada, revelou à agência Lusa uma fonte policial.
O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP anunciou hoje, num breve comunicado, que "hoje, pela 01:00, na Rua Dona Mafalda, em Belas, um elemento policial, de 42 anos, foi detido pela PSP, no interior da sua residência, por suspeita de ter disparado contra uma mulher, de 39 anos, que em consequência desta acção veio a falecer no hospital cerca das 07:00".

Fonte do gabinete de Relações Públicas do Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, contactada pela Lusa, escusou-se a adiantar mais pormenores sobre o assunto, não confirmando se a vítima mortal era mulher do agente, cujo estado civil é de casado.

Entretanto, outra fonte policial contactada pela Lusa confirmou que a vítima mortal era a própria mulher do elemento da PSP e que o cenário do crime configura o culminar de uma situação de violência doméstica que já decorria há algum tempo.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.