Açoriano Oriental
Açores têm cinco novos casos e investigam cadeia de transmissão local

Os Açores registaram, nas últimas 24 horas, cinco novos casos de covid-19, diz a autoridade de saúde regional, que indica estar "em curso a investigação epidemiológica para identificação" de uma cadeia de transmissão local.

Açores têm cinco novos casos e investigam cadeia de transmissão local

Autor: Lusa/AO online

De acordo com o comunicado diário daquela entidade, os novos casos foram diagnosticados "decorrentes das 1.302 análises realizadas nos dois laboratórios de referência da região", localizados em São Miguel e Terceira, nas últimas 24 horas.

Os cinco casos dividem-se entre as ilhas de São Miguel (quatro) e Graciosa (um).

Os casos identificados em São Miguel reportam-se a dois homens, com 18 e 35 anos, e duas mulheres, com 35 e 36 anos de idade.

A Autoridade de Saúde dos Açores explica que "um dos indivíduos do sexo masculino desembarcou na região a 06 de setembro, proveniente de ligação aérea com o território continental, apresentou resultado inconclusivo no teste de despiste ao vírus SARS-CoV-2 realizado à chegada e, após repetição da colheita e análise, obteve resultado positivo".

O outro novo caso em São Miguel, também referente a um homem, "foi identificado como contacto próximo de um caso positivo recentemente diagnosticado, encontrando-se em curso a investigação epidemiológica para identificação de cadeia de transmissão local", diz a Autoridade de Saúde Regional.

Já as mulheres infetadas "foram diagnosticados após realização de teste de despiste do sexto dia, tendo desembarcado na região proveniente de ligação aérea com o território continental".

O caso identificado na Graciosa diz respeito a uma mulher, a quem foi diagnosticada a doença após realização de teste de despiste ao sexto dia, "tendo desembarcado na região proveniente de ligação aérea com o território continental".

A entidade refere que os casos "apresentam situação clínica estável e foram já diligenciados, pelas delegações de saúde concelhias, os procedimentos definidos para caso confirmado, testagem e vigilância de contactos próximos".

Até ao momento, foram detetados na região 249 casos de infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, que causa a doença covid-19, verificando-se atualmente 42 casos positivos ativos: 34 na ilha de São Miguel, seis na ilha Terceira, um na ilha do Pico e um na ilha Graciosa.

Desde o início do surto morreram 16 pessoas na região, todas em São Miguel.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 904 mil mortos e quase 28 milhões de casos de infeção em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.852 pessoas dos 62.126 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.