Açoriano Oriental
23 casos suspeitos nos Açores e mais de 1500 vigilâncias ativas

Os Açores registam atualmente 23 casos suspeitos e mais de 1500 vigilâncias ativas.

article.title

Foto: ANTÓNIO ARAÚJO/LUSA
Autor: AO Online

Segundo revelou esta sexta-feira o diretor regional da Saúde, à data de ontem, 19 de março, na Região havia 14 casos suspeitos de Covid-19 na Região Autónoma dos Açores.

Após resultados laboratoriais, 10 revelaram-se negativos, sendo dois provenientes da ilha Terceira, um da ilha de Santa Maria, um da ilha do Faial (diretamente relacionado com o 3º caso positivo) e 6 da ilha de São Miguel. Quatro casos, todos de São Miguel, aguardam ainda resultado.

Entretanto, nas últimas 24 horas surgiram 24 casos suspeitos.

Cinco deles já se revelaram negativos após análise laboratorial.

Dentro dos restantes 19, três casos ainda aguardam resultados, 16 aguardam colheita. Destes 16, um é proveniente da ilha Terceira, um da ilha de São Jorge (diretamente relacionado com o 2º caso positivo), e 14 da ilha de São Miguel.

Existem atualmente, 20 de março, 23 casos suspeitos de infeção por Covid-19.

As Delegações de Saúde da Região estão neste momento a fazer 1561 vigilâncias ativas. Dentro deste número, 631 são sinalizações da Linha Saúde Açores e 930 são reportes feitos pelas Delegações de Saúde, no trabalho de campo que estão a realizar.

Destes 930, 50 são da ilha de São Jorge, 718 são da ilha de São Miguel, 111 da ilha Terceira e 51 da ilha das Flores.

Os três casos confirmados permanecem internados, dois no Hospital do Santo Espírito da Ilha Terceira e um no Hospital da Horta, pese embora este último aguarde ainda validação pelo Instituto de Saúde Ricardo Jorge. Estes três casos estão clinicamente estáveis.

Neste momento a aposta é na monitorização clínica, não existindo casos suspeitos em internamento, nem nas Unidades de Saúde de Ilha, nem em contexto hospitalar.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.