Açoriano Oriental
Treinador do Santa Clara afirma ser “possível” vencer o Benfica

O treinador do Santa Clara, Daniel Ramos, considerou este sábado o Benfica uma “equipa fortíssima”, mas afirmou ser “possível” vencer os ‘encarnados’ no jogo de domingo, da 12.ª jornada da I Liga de futebol.

Treinador do Santa Clara afirma ser “possível” vencer o Benfica

Autor: AO Online/ Lusa

“Independentemente da valia do adversário, é sempre possível vencer. Sabemos que é um jogo perante um dos candidatos ao título, uma equipa fortíssima, mas é possível [vencer]”, afirmou o técnico do Santa Clara.

Daniel Ramos falava hoje no estádio de São Miguel, em Ponta Delgada, na conferência de antevisão ao encontro com o Benfica nos Açores.

Segundo o treinador do conjunto insular, a “experiência” e a “história” comprovam que “no futebol tudo é possível”.

“O Santa Clara ainda não conseguiu vencer o Benfica em casa, tem também essa primeira possibilidade, mas acreditamos no nosso trabalho, acreditamos na nossa equipa, acreditamos naquilo que temos vindo a fazer”, assinalou.

Na época passada, o Santa Clara derrotou o Benfica no estádio da Luz por 4-3, um “dado histórico” lembrado por Daniel Ramos para destacar que o “impossível não existe”.

O treinador dos açorianos salientou que a equipa está preparada para o “melhor do adversário” e que vai partir para o encontro com “humildade”, mas com a “crença” de que é possível “conseguir uma vitória”.

“Sabemos que o Benfica é uma equipa muito competente, com grande valor, com um grande treinador, com uma grande equipa técnica, tem a dimensão que tem, mas isso não nos tira o sono, nada disso”, declarou.

Sobre as ausências no eixo defensivo da equipa da Luz, que não poderá contar com Jardel e Otamendi, Daniel Ramos avançou que a equipa açoriana “olhou para esse dado”, mas realçou que o Santa Clara também tem as suas “contrariedades”.

“Vamos para jogo sabendo aquilo que queremos, olhamos para o Benfica como um todo, também com o lado muito específico que tem a ver com um conjunto de características dos jogadores do Benfica que nos podem criar dificuldades”, apontou.

O técnico afirmou que a sua equipa vai para o encontro de “mangas arregaçadas”, com “determinação” e com a consciência de que tem a “capacidade para fazer um bom jogo”.

Daniel Ramos rejeitou ainda a possibilidade das más condições atmosféricas previstas para o dia do encontro poderem beneficiar alguma das equipas: “Ninguém gosta de jogar com vento, com chuva, mas é o que é.”

Questionado sobre potenciais reforços no mercado de inverno, o treinador do Santa Clara afirmou que o clube “está a trabalhar” para ter os recursos “suficientes para responder” ao que ainda falta do campeonato.

“Eu não quero ter muitos só por ter. Eu quero é ter jogadores que venham e venham responder para aumentar a competitividade e a qualidade do plantel”, disse.

O Santa Clara vem de duas derrotas no campeonato, frente ao Vitória de Guimarães (4-0) e Moreirense (1-0).

Já o Benfica alcançou duas vitórias nos últimos jogos do campeonato, diante de Gil Vicente (2-0) e Portimonense (2-1).

O Santa Clara, oitavo classificado, com 13 pontos, recebe o Benfica, segundo, com 27, no próximo domingo, às 16:00 locais (17:00 em Lisboa), no estádio de São Miguel, nos Açores, em jogo com arbitragem de Hélder Malheiro, da associação de Lisboa.


PUB
 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.