Liga Europa

Sporting bate Nordsjaelland e apura-se para o play-off

Sporting bate Nordsjaelland e apura-se para o play-off

 

Lusa/Aonline   Futebol   5 de Ago de 2010, 22:08

O Sporting venceu ontem o Nordsjaelland (2-1) e apurou-se para o play-off da Liga Europa em futebol, mas sem evitar sofrer nos últimos minutos, com a equipa dinamarquesa a marcar e a semear o pânico na área leonina

Com o 1-1, os dinamarqueses ficaram a um golo do apuramento, valendo, já nos descontos, Maniche, que marcou o primeiro golo ao serviço do Sporting e confirmou a vitória no jogo e na eliminatória (3-1, após triunfo fora por 1-0).

A vantagem de 1-0 registada na primeira mão era magra e a equipa de Paulo Sérgio foi empreendedora e desenvolta, contrariando a estratégia dos dinamarqueses em não consentir espaço de manobra nem tempo para a execução dos leões.

Tal como no jogo em Farum, na Dinamarca, Nicki Nielsen teve nos pés uma oportunidade, aos 10 minutos, causando um grande susto em Alvalade.

Dez minutos volvidos, Vukcevic esteve bem perto do golo, depois de uma boa combinação com Hélder Postiga, mas o remate levou a bola às malhas laterais.

A insistência do Sporting, a espaços a privilegiar a velocidade, acabou por resultar aos 24 minutos. Liedson visou a baliza, Jesper Hansen defendeu e a bola sobrou novamente para o luso-brasileiro, que a endossou para Hélder Postiga marcar de cabeça.

O Sporting poderia ter ampliado, não fosse a intervenção do guarda-redes Hanen, a negar o golo, num remate forte protagonizado por Vukcevic, aos 32 minutos. O domínio dos leões era indiscutível e, aos 39, Hélder Postiga quase

Após o intervalo, o Nordsjaelland arriscou estender-se mais no relvado, beneficiando de muito espaço concedido pelo Sporting na zona intermédia.

O Nordesjaelland continuava afoito e, aos 65 minutos, Rui Patrício teve uma saída em falso num pontapé de canto e a bola sobrou para Mikkelsen, que rematou com perigo.

Com o objectivo de ganhar acutilância, o treinador do Sporting lançou Matias Fernandez (71) e Sinama Pongolle (82), mas afigurava-se difícil quebrar o ímpeto do Nordsjaelland, que gelou Alvalade com o empate (79).

Adu teve um passe a rasgar a defesa, Lawan isolou-se e marcou.

"bisava" na execução de um chapéu desde o meio campo.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.