SITAVA critica Governo por declarações sobre a SATA


 

Rui Jorge Cabral   Regional   4 de Nov de 2007, 10:24

O acto de tomada de posse da nova administração do Grupo SATA foi alvo de críticas por parte do Sindicato dos Trabalhadores da Aviação e Aeroportos (SITAVA).
Em comunicado, o sindicato lamenta os “recados” que se fizeram passar, sobretudo por parte do secretário regional da Economia, Duarte Ponte. O SITAVA afirma que recebeu o seu discurso “com alguma inquietação”, por não ter sido feita qualquer referência ao “esforço e dedicação” dos trabalhadores da SATA, ao contrário das referências elogiosas feitas ao anterior conselho de administração da companhia aérea açoriana.
Sobre as declarações de Duarte Ponte dando conta de que os “custos com a mão-de-obra” continuam a ser demasiado elevados, o SITAVA questiona o secretário regional sobre como ele pretende que a SATA continue a crescer “sem os trabalhadores, nem o respectivo empenho”. O SITAVA também critica o facto de Duarte Ponte ter feito referência a uma eventual falência da SATA quando, no mesmo discurso, afirmou também que a SATA se encontra de boa saúde financeira.
O sindicato mostra-se ainda preocupado com o aviso aos trabalhadores para que não se sintam “tentados a recorrer à greve”, quando afirmam haver, do lado da administração da SATA “intransigência e relutância numa simples reposição do poder de compra dos trabalhadores”. O SITAVA afirma, contudo, esperar que esta nova etapa na vida da SATA traga maior respeito pelos trabalhadores.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.