Revista de imprensa nacional


 

Lusa/AO   Nacional   14 de Nov de 2008, 05:38

A contestação dos professores à avaliação, o aumento do desemprego no Norte, a descoberta de um planeta extra-solar e novas suspeitas de corrupção relacionadas com antigos presidentes de Câmara de Lisboa, são hoje notícias dos jornais de Lisboa.
 "Vaga de escolas com avaliação [dos professores] suspensa não pára de crescer" noticia o Público.

    Este diário dá grande relevo à descoberta de um planeta extra-solar, na constelação de Peixe Austral, detectado através de telescópios potentes.

    O défice na Saúde apresenta uma derrapagem de 87,5 por cento, avança o Público, adiantando que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) terminou o ano de 2007 com um buraco financeiro de 330,1 milhões de euros.

    "Santana e Carmona [antigos presidentes da câmara de Lisboa] investigados por novas suspeitas de corrupção", destaca o Diário de Notícias.

    A descoberta do novo planeta extra-solar é também assunto de capa do jornal, que noticia igualmente que haverá 1,6 milhões de diabéticos em Portugal até 2025 e que a CGD injectou mais de 100 milhões de euros para salvar fundos do BPN.

    Ainda na capa deste jornal, o protesto de alunos, ocorridos quinta-feira na escola secundária D. Dinis, em Lisboa, contra governantes que discutiam o processo de avaliação dos professores.

    O Jornal de Notícias diz que o "Desemprego no Norte duplicou nesta década", de 70 mil casos em 2001 para 186 mil em 2007.

    Este diário realça uma entrevista com a mulher do presidente do FC Porto onde Filomena conta a sua vida com Pinto da Costa.

    "Juíza do caso ´máfia da noite´ com segurança" escreve o Correio da Manhã, adiantando que a protecção foi decidida depois da magistrada ter repreendido os arguidos.

    O protesto dos alunos à porta de uma escola onde se encontravam os secretários de Estado da Educação consta da primeira página do jornal.

    O diário ainda titula "Ministério da Defesa deve cem milhões" de euros e "Mineiros pedem solução a Sócrates", após o anúncio de rescisão de contratos pela empresa que explora a mina de Aljustrel.

    "20 crianças escravizadas em Portugal" lê-se na manchete do 24horas, que noticia que 55 escolas já suspenderam o processo de avaliação.

    O Jornal de negócios avança que vários bancos retiraram 365 milhões de euros do BPN entre Junho e Setembro deste ano.

    "Portugal vai terminar 2008 em recessão" titula também o jornal.

    Por sua vez, o Diário Económico escreve "Portugal escapa à recessão europeia", e revela informações do Instituto Nacional de Estatística (INE) que indicam que as contas nacionais do terceiro trimestre deverão revelar que a economia cresceu.

    Este diário destaca a reunião dos líderes do G20 - grupo que reúne 85 por cento da economia mundial e dois terços da população global - que começa sábado e onde será discutido o sistema financeiro mundial.

    O Semanário económico diz que os ex-donos do BPN querem recuperar o dinheiro e, noutro título, afirma que a ausência do futuro presidente dos Estados Unidos vai enfraquecer a reunião do G20.

    "A recessão já chegou", anuncia o Semanário, que ainda realça o regresso da coabitação entre primeiro-ministro e Presidente da República, a propósito da concertação de posições para parar o descontentamento dos militares.

    Rui Costa, director desportivo do Benfica, e Polga, defesa central do Sporting, estão hoje nas capas dos matutinos desportivos.

    O antigo jogador “encarnado” e agora director desportivo voltou à escola onde estudou para fazer uma palestra em que, sublinha O Jogo em manchete, disse: “falta cultura desportiva”.

    Na primeira página o jornal diz ainda, no que se refere ao Benfica, que vai haver “dupla de astros - Suazo e Aimar no ataque ao Estrela” e que “Yebda garante que não sai da Luz - até ao Verão”.

    O matutino cita ainda uma declaração de Jesualdo Ferreira, treinador do FC Porto (“não estamos a defender bem”) e refere que o ex-presidente do Sporting Dias da Cunha e o árbitro Bruno Paixão estão “sob fogo da direcção” dos “leões”.

    A Bola preenche a capa com uma afirmação do central brasileiro Polga, do Sporting, que “recusa castigo ao treinador por ter tido ‘coragem para falar’”, destacando em título: “Paulo Bento não disse qualquer mentira”.

    O jornal destaca ainda a convocação de Rolando, Tiago e César Peixoto para os trabalhos da selecção e cita uma afirmação do francês Yebda, do Benfica: “Rui Costa sabe o que quer”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.