Primeira fase da requalificação do Miradouro da Vista do Rei está concluída

Primeira fase da requalificação do Miradouro da Vista do Rei está concluída

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   10 de Jul de 2018, 09:45

A primeira fase das obras de requalificação do Miradouro da Vista do Rei, na ilha de São Miguel, já está concluída, dando a este espaço uma nova dinâmica de utilização.

As secretárias regionais dos Transportes e Obras Públicas, Ana Cunha, e da Energia, Ambiente e Turismo, Marta Guerreiro, visitaram o miradouro para se inteirarem do resultado desta primeira intervenção, que permitiu criar 25 lugares de estacionamento junto ao miradouro, outros 25 lugares a dois minutos de distância, percorridos a pé, e cerca de 70 lugares para estacionamento de média duração, mais destinado a quem se desloca a esta zona para percorrer trilhos pedestres, no Portal do Vento, a cerca de 900 metros da Vista do Rei.

Citada em nota do Gacs, Ana Cunha referiu que, com esta primeira fase de requalificação, “o trânsito está mais disciplinado e as pessoas podem usufruir da vista de uma forma diferente", salientando que "há um aumento significativo do número de estacionamentos, mas sempre de uma forma disciplinada”.

"A requalificação foi bem conseguida, sendo o balanço positivo”, afirmou, acrescentando que os visitantes estão agradados com as condições agora criadas.

A Secretária Regional adiantou que a segunda fase de requalificação consistirá “na criação de uma variante, que permitirá um acesso direto à descida das Sete Cidades” permitindo que um troço de cerca de um quilómetro fique, preferencialmente, destinado à denominada “mobilidade suave", ou seja, bicicletas, 'tuc-tuc' ou 'shuttles'.

Lembra a nota que o Governo dos Açores promoveu, em São Miguel, intervenções nos miradouros do Pico do Ferro e do Pico da Barrosa, ambas já concluídas, e ainda no Miradouro da Lagoa do Fogo, que “está em fase de conclusão”.

Todas as intervenções, que representam um investimento de cerca de 500 mil euros visaram, segundo Ana Cunha, os mesmos objetivos, ou seja, "requalificar o espaço, disciplinar o trânsito e tornar a visita mais agradável”.
   


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.