Portimonense quer inverter ciclo sem vitórias na receção ao Santa Clara


 

AO Online/ Lusa   Futebol   3 de Nov de 2019, 20:34

O treinador do Portimonense, António Folha, manifestou-se este domingo confiante em alcançar a segunda vitória na I Liga portuguesa de futebol na receção ao Santa Clara, na segunda-feira, em jogo da 10.ª jornada, na segunda-feira.

António folha disse acreditar que a equipa algarvia “pode ultrapassar um ciclo de sete jogos sem vitórias, ao defrontar uma equipa que, teoricamente, é do seu campeonato”.

“Em casa temos obrigação de lutar e de ganhar contra as equipas do nosso campeonato, porque teoricamente não são equipas que lutam pelo título, embora tenhamos de ser consistentes e jogarmos com a ambição de conquistar os três pontos”, referiu o treinador dos algarvios.

Na conferência de imprensa de antevisão do encontro com a equipa dos Açores, o técnico admitiu que “não ser um jogo fácil, uma vez que o Santa Clara é uma equipa muito bem estruturada, com jogadores com grande experiência na I Liga e muito poderosa nos lances de bola parada”.

“Para ganharmos temos de ter a máxima concentração aos pontos em que o Santa Clara é muito forte”, alertou.

Segundo Folha, os jogadores algarvios “estão alertados e conscientes de que vão defrontar uma grande equipa, onde a consistência e ambição vão ser determinantes para alcançarem a vitória”.

“Este é o primeiro jogo daqueles que consideramos ser com equipas do nosso campeonato, e é importante para ultrapassarmos um ciclo menos bom, onde estavam incluídas as equipas candidatas ao título”, recordou.

O treinador indicou que o estado anímico da equipa “tem evoluído favoravelmente depois dos resultados menos positivos, e o trabalho semanal tem proporcionado as condições para que tudo dê certo”.

Folha lamentou o facto de a equipa apenas ter conseguido somar seis pontos em nove jogos, embora “até tenha feito coisas boas, sendo importante olhar para a frente e disputar os jogos com muita determinação e fazer bem as coisas”.

O treinador disse ainda que a onda de lesões tem influenciado o rendimento da equipa, e continua a não poder contar com Henrique, Willyan, Paulinho, Dener, Júnior Tavares e Aylton Boa Morte, este último com uma fratura da mão direita, e que segundo o boletim médico do clube, “aguarda evolução depois de ser submetido a uma intervenção cirúrgica este domingo”.

“Gostava de ter todos disponíveis, porque seriam mais opções, mas, infelizmente, continuamos com limitações”, lamentou o técnico.

Portimonense, 16.º classificado com seis pontos, e Santa Clara, nono com 12, defrontam-se na segunda-feira, às 21:00, no Estádio Municipal em Portimão.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.