Açoriano Oriental
Poeiras do deserto do Saara afetam os Açores até amanhã

Depois de atingir as ilhas Canárias e a Madeira, as poeiras do deserto do Saara afetam os Açores. Governo emite recomendações, apesar do IPMA prever baixas concentrações na atmosfera

article.title

Foto: Arthur Melo
Autor: Carolina Moreira

Os Açores estão, desde ontem, a ser afetados por uma nuvem de poeiras vinda do deserto do Saara e que deverá permanecer no arquipélago até amanhã, segundo as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Depois de atingirem os arquipélagos das Canárias e da Madeira, estas poeiras foram transportadas pelos ventos para a Região, apesar de “as concentrações serem bastante mais baixas do que nas Canárias”, adianta Vanda Costa, meteorologista do IPMA. “Esta nuvem de poeira vem de sul e começou por afetar primeiro o Grupo Ocidental. Já está a afetar o Grupo Central e, a partir de hoje, deverá afetar também o Grupo Oriental”, esclarece.


Ler mais na edição desta quinta-feira, 27 fevereiro 2020, do jornal Açoriano Oriental


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.