Orçamento de Estado

Orçamento da Administração Interna cresce 2,2%


 

Lusa / AO online   Economia   27 de Jan de 2010, 11:41

O orçamento do Ministério da Administração Interna cresce 2,2 por cento em 2010 face à estimativa de execução de 2009, sendo as principais prioridades a modernização das forças de segurança e o financiamento de meios aéreos para a Protecção Civil.
Segundo a proposta de Orçamento do Estado entregue terça-feira na Assembleia da República, a despesa do Ministério da Administração Interna (MAI) passará de 1.972,8 milhões de euros em 2009 para 2.016,1 milhões este ano. O orçamento inicial de 2009 apontava para uma despesa na ordem dos 1.835 milhões de euros.

"O crescimento da despesa prevista para o conjunto dos serviços e fundos autónomos deste Ministério evidencia a política de protecção civil, nomeadamente, mediante o crescimento do financiamento dos meios aéreos utilizados pela Autoridade Nacional de Protecção Civil", lê-se no documento. O orçamento da Autoridade Nacional de Protecção Civil cresce 1,8 por cento, passando para 139 milhões de euros.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.