Petróleo

OPEC prevê crescimento na procura de petróleo em 2011


 

Lusa / AO online   Economia   15 de Jul de 2010, 12:17

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), que representam cerca de 40 por cento da produção de crude mundial, previu esta quinta-feira um aumento de 1,2 por cento na procura mundial de petróleo em 2011.
Por outro lado, a organização previu também que a procura por petróleo produzido na OPEP vai crescer pela primeira vez em três anos.

No seu mais recente relatório mensal, a OPEP manteve a sua previsão de crescimento da procura para 2010 em 0,95 milhões de barris por dia (um aumento de 1,1 por cento).

Em 2011, o crescimento da procura será de 1,2 por cento (ou seja um milhão de barris por dia), "refletindo a precaução quanto ao ritmo da recuperação económica global", estimou a OPEP.

Ainda assim, a procura por crude da OPEP - o cartel composto por 12 países - deverá crescer 0,2 milhões de barris por dia, "o primeiro crescimento em três anos".

As últimas previsões da OPEC afastam-se ligeiramente das recentemente publicadas pela Agência Internacional da Energia (IEA), o órgão da OSCE para a estratégia energética.

Em 2010, "a situação económica na maioria dos países desenvolvidos continuará lenta. A recuperação será não só lenta, mas também muito incerta", indicou o cartel.

Ainda assim, "a recuperação económica mundial deverá começar na segunda metade de 2010" e "deverá continuar ao longo de 2011 com uma distribuição mais ou menos equilibrada nos quatro trimestres".

O maior crescimento em 2010 vai verificar-se em economias emergentes como a China, a Índia, o Médio Oriente e a América Latina.

No entanto, a OPEP diz que a chave para a recuperação económica continua a ser a procura nos Estados Unidos, o maior consumidor de petróleo no mundo.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.