Economia

Investimento de seis ME para reabilitar Estaleiros Navais da Madalena

Investimento de seis ME para reabilitar Estaleiros Navais da Madalena

 

Lusa/AO online   Regional   24 de Set de 2010, 18:09

Os Estaleiros Navais da Madalena, no Pico, Açores, vão ser reestruturados nos próximos dois anos, num investimento de cerca de seis milhões de euros, que pretende melhorar a sua capacidade de resposta e dotá-la com novas valências.
“Temos neste momento condições para entrar no capital social da Naval Canal (empresa de construção naval do Pico) com uma participação de 49 por cento e iniciar, de imediato, o projecto técnico e de investimento no quadro do Sistema de Incentivos para o Desenvolvimento Regional dos Açores (SIDER)”, afirmou esta sexta-feira Carlos Mota, presidente dos Estaleiros Navais de Peniche, em declarações aos jornalistas em Ponta Delgada, no final de uma audiência com o presidente do Governo Regional dos Açores.

O Conselho de Governo aprovou recentemente a aquisição pela Administração dos Portos do Triângulo e do Grupo Ocidental de 49 por cento do capital social da Naval Canal, autorizando ainda a sua venda aos Estaleiros Navais de Peniche.

Carlos Mota revelou que os estaleiros do Pico vão aumentar as valências, nomeadamente no que se refere ao "tratamento geral de superfícies de embarcações, como pinturas, e serviços associados à manutenção de embarcações”, como a metalomecânica e electricidade

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.