Grécia garante que vai continuar a financiar-se no mercado


 

Lusa / AO online   Economia   8 de Abr de 2010, 12:05

A Grécia vai "continuar a pedir financiamento" aos mercados financeiros, apesar da dívida grega ter atingido máximos históricos, disse esta quinta-feira o ministro das Finanças daquele país.
A bolsa grega caiu esta quinta-feira cinco por cento, com os mercados a terem cada vez mais dúvidas de que a Grécia consiga pagar a sua dívida externa, no mesmo dia em que o 'yield' da dívida grega a 10 anos aumentou para o valor recorde de 7,322 por cento, o nível mais alto desde que o país aderiu ao euro em 2001.

"O país está a contrair dívida e vai continuar a pedir emprestado", disse o ministro das Finanças grego, George Papaconstantinou, numa intervenção no parlamento.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.