Governo cede terreno para construção do Centro de Paralisia Cerebral dos Açores

Governo cede terreno para construção do Centro de Paralisia Cerebral dos Açores

 

Paula Gouveia   Regional   11 de Dez de 2011, 14:20

O Governo dos Açores está a terminar o processo administrativo de doação de um terreno à Associação de Paralisia Cerebral de São Miguel, o que deverá ocorrer até ao final do próximo mês de Janeiro, destinado ao projecto desta entidade para a construção do Centro de Paralisia Cerebral dos Açores, anunciou esta noite, em Ponta Delgada, o Secretário Regional da Economia.
  

Vasco Cordeiro, que falava durante o jantar anual de recolha de fundos organizado para a Associação de Paralisia Cerebral de São Miguel, onde esteve presente em representação do Presidente do Governo, destacou o facto de este ser “mais um acto que demonstra o espírito de parceria permanente entre o Governo dos Açores e as instituições particulares de solidariedade social”. “Esta é uma parceria que se exerce todos os dias e que é cada vez mais necessária já que, se em circunstâncias normais seria natural destacá-la, na actual conjuntura ela torna-se ainda mais imperiosa”, referiu.

No final do jantar foi efectuada a licitação de diversos artigos doados à Associação de Paralisia Cerebral de São Miguel, entre os quais uma bola autografada pelo antigo jogador de futebol Pedro Pauleta, adquirida por Vasco Cordeiro e doada novamente à associação.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.