Açoriano Oriental
Covid-19
Fábrica troca licores por produção de álcool

Fábrica de Licores da Ribeira Grande redirecionou a sua produção para fazer face à escassez de álcool etílico sanitário na Região

Fábrica troca licores por produção de álcool

Autor: Nuno Martins Neves

“Quisemos fazer parte da solução” e foi assim que chegaram ao mercado as embalagens de álcool etílico sanitário com a reconhecida marca da Fábrica de Licores Eduardo Ferreira & Filhos Lda. A empresa, situada na Ribeira Grande, transformou a sua linha de montagem e usou o álcool puro que tinha destinado para a produção dos conhecidos licores ‘Mulher do Capote’ e ‘Ezequiel’ para fazer face à escassez de um bem tão essencial em tempos de pandemia de Covid-19. 


Ler mais na edição desta quarta-feira, 1 abril 2020, do jornal Açoriano Oriental


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.