Justiça

Condutor condenado por crimes de difamação contra agentes policiais


 

Lusa / AO online   Nacional   21 de Out de 2009, 19:14

O Tribunal de Almada condenou um condutor a uma pena de multa de 2800 euros por crimes de calúnia e de difamação de dois agentes de Trânsito da PSP, que o fiscalizaram por uma infracção ao Código da Estrada.
Fonte policial adiantou que os factos remontam à manhã de 07 de Fevereiro de 2007, quando, na Avenida Bento Gonçalves, em Almada, o referido condutor, bancário de profissão, terá feito uma manobra perigosa em frente à viatura policial identificada onde viajavam dos dois polícias.

De acordo com o relato, que consta dos autos do Tribunal, o condutor terá "mudado de faixa de rodagem, colocando-se em frente ao carro da PSP numa manobra brusca e que obrigou o condutor da viatura policial a efectuar uma travagem de recurso para não embater no veículo do arguido".

Os elementos policiais obrigaram o condutor a parar, para o identificarem e autuarem pela manobra praticada, disse a fonte, referindo que o condutor "não aceitou a responsabilidade dos factos que lhe eram imputados, recusou-se a efectuar o pagamento da multa e a assinar os documentos que lhe eram apresentados, tendo-lhe sido apreendida a carta de condução".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.