Açoriano Oriental
Covid-19
Açores com 40 alojamentos para ceder a profissionais de saúde e proteção civil

O Governo dos Açores registou até esta quarta-feira "cerca de quatro dezenas" de alojamentos e empreendimentos que podem ser cedidos, gratuitamente, a profissionais de saúde e da proteção civil que estejam deslocados das suas famílias no combate à covid-19.

Açores com 40 alojamentos para ceder a profissionais de saúde e proteção civil

Autor: Lusa/AO Online

"Neste momento, temos registado cerca de quatro dezenas de alojamentos e empreendimentos que se disponibilizaram para ceder, de forma gratuita, as suas instalações para profissionais de saúde e da proteção civil, com destaque para o alojamento local", adiantou a secretária regional com a tutela do Turismo, Marta Guerreiro.

A governante está a ser ouvida no parlamento dos Açores, numa audição por videoconferência sobre a pandemia de covid-19 e a resposta do setor do Turismo ao fenómeno.

Antes, Marta Guerreiro havia referido que estão ainda na região cerca de 100 turistas não residentes, metade referentes a "estadias prolongadas" e outra metade referente a pessoas que "provavelmente sairão nos próximos dias".

Dos "cerca de 100 turistas não residentes" que estarão na região, avançou a secretária regional com a tutela do Turismo, metade diz respeito a "estadias prolongadas" e a outra metade a "outras situações em trânsito" de pessoas que "provavelmente sairão nos próximos dias" dos Açores.

O Governo dos Açores determinou, ainda em março, que o período de confinamento obrigatório de quem chega à região seria feito em unidades hoteleiras, "independentemente da residência" das pessoas.

"Até à data, foram abrangidos por esta medida 352 passageiros (120 na Terceira e 232 em São Miguel), na sua maioria estudantes e doentes deslocados a regressar à região", indicou Marta Guerreiro.


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.